Em busca pela democratização do acesso à terra urbana e das tomadas de decisão, a sociedade recifense se organizou como Movimento Ocupe Estelita [MOE]. Com um recorte específico em torno do uso e destino do Cais José Estelita, área privilegiada e estratégica para o planejamento urbano da cidade, o MOE questiona e aponta ilegalidades no processo do leilão de mais de 100mil metros quadrados envolvendo prefeitura, governo do estado e construtoras que, organizadas em um consórcio [Novo Recife] encabeçado pela Moura Dubeux, decidem construir 12 torres de 40 andares que alinhadas se transformam em uma muralha de concreto na região histórica da cidade do Recife-PE.

 

Nesta foto, ato do MOE no dia 29/05/14 na Av. Sul, próximo ao viaduto Capitão Temudo, Recife-PE.

 

Tamanho: A3

Impressão: Fine Art | Papel Platine 100% algodão

Movimento Ocupe Estelita

R$ 320,00Preço
Tamanho